Home / Ronco / O que causa o ronco?

O que causa o ronco?

Você sabe o que causa o ronco de fato? Se você disse não, saiba que você não é o único que não tem muito conhecimento acerca desse assunto – e se sofre com o problema, também não faz parte de uma minoria.

O ronco é visto constantemente como um sintoma absolutamente recorrente e associado ao sono – mas quando o ruído ganha proporções muitos incomodas somente quem divide a mesmo ambiente sabe como pode ser difícil lidar com essa situação.

Dependendo da dimensão do problema, há até relatos de vizinhos que escutam o ronco de um outro morador – sim, isso é possível!

Diante desses fatores, pode-se se afirmar que um dos grandes problemas relacionados ao ronco não se trata somente do constante desconforto que possa incomodar outras pessoas, mas sim as eventuais interrupções da respiração que podem acabar acarretando um quadro de saúde muito mais complicado.

Isso inclui problemas relacionados à carga cardiopulmonar, menor rendimento em tarefas simples do dia a dia, ausência de foco, fadiga, sonolência durante o dia, mau humor, irritação, entre outros.

O que causa o ronco – afinal, todas as pessoas roncam?

Em geral, uma grande parcela das pessoas ronca! O que acaba sendo mais seletivo é o ronco patológico, que acaba acometendo algumas pessoas apenas.

O mais comum é ressonar durante o sono, principalmente quando a posição é de barriga para cima – isso ocorre pelo simples motivo de que a língua acaba pendendo um pouco para trás e por isso naturalmente pode ocorrer um sutil ruído.

Mas o grande X da questão é o ronco denominado como patológico. Isso porque ele se caracteriza por haver um grande volume de vibrações bem como maiores ruídos – diferente do simples ressonar.

Mas afinal, o que pode acarretar o ronco?

O ronco tende a se formar na região localizada atrás da língua. Em geral, pessoas que roncam não tendem a respirar adequadamente, e nesse sentido, ao invés de respirarem pelo nariz acabam respirando pela boca.

Isso pode acontecer por inúmeros fatores – e todos podem ser associados a uma efetiva obstrução nasal

Nesse sentido, uma das principais causas do ronco pode ser associada portanto com a interação de diversos fatores anatômicos de cunho individual – isso inclui o tamanho das narinas, obesidade e até mesmo hábitos nocivos, como fumar, beber bebidas alcóolicas, alimentação errada antes de dormir, entre outros.

Mas como você pode acabar com o ronco e obter um sono de qualidade?

Quem está em busca de noites de sonos mais tranquilas certamente já se deparou com inúmeras informações – e muitas delas encontradas na internet, que em geral não fazem muito sentido!

Milagres e simpatias podem ser sumariamente descartados! O passo mais importante para quem sofre dessa questão é procurar um especialista para entender essencialmente qual é a profundidade do problema e quais os meios de resolve-la.

Em grande parte dos casos sanar a questão pode ser mais simples do que se possa imaginar, e muito otorrinos acabam apenas recomendando o uso de um dilatador nasal.

Esse simples recurso ajuda a melhorar substancialmente a respiração nasal não somente durante o sono, como também para quem pratica alguma atividade física.

Em ambos os casos ele agrega inúmeros benefícios para que o individuo que sofre do problema consiga obter uma melhor qualidade de vida!

O mais interessante é que recorrer ao uso de um dilatador nasal propõe resultados instantâneos, que já podem ser percebidos até mesmo logo na primeira noite de sono.

Quer conhecer um dilatador nasal eficiente? – Então clique aqui e saiba mais: https://www.nasivent.com.br/acabe-com-o-ronco/

Roncar não é uma doença e pode ser facilmente resolvido!

Logicamente contar com um recurso eficiente como um dilatador nasal pode ser a medida mais imediata para lidar com o problema, porém é importante também que você leve em consideração avaliar alguns hábitos considerados nocivos – pois do contrário você apenas estará mascarando o problema e não resolvendo de fato:

  • Evite o consumo de bebidas alcóolicas em excesso
  • Comer muito antes de dormir pode acabar estimulando que você respire de maneira inadequada.
  • O tabagismo também é um dos responsáveis por afetar a respiração qualitativa.
  • Não permita que problemas relacionados à depressão ou ansiedade ganhem proporções mais graves – busque ajuda de um profissional e cuide-se realizando uma alimentação saudável e praticando atividades físicas!

Agora que você já tem noção sobre o que causa o ronco e também como amenizar sua existência, não deixe de levar em consideração todas as dicas fornecidas nesse artigo!

Sobre Vital Body

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *